MEUS OLHOS RESOLVERAM FALAR

Para ler ouvindo Amores Imperfeitos – Anavitória (cover).

Na contramão de tudo que foi, de tudo que é. Daquela estação que nos desencontramos. Jurei pra mim, que meu trem era só de ida. Com visitas inesperadas a minha estação, você conseguiu desconcertar minha certeza. De imediato, foi assustador. A confusão foi tomando espaço.

Me acostumei as minhas fantasias, a magia que vejo de estação em estação. Tem essa coisa infantil enraizada em mim. Só me percebo mulher, quando, o coração palpita. O corpo estremece desejo. E meu olhar fica cheio de verdade. Cê já disse que via tudo no meu olhar. Na verdade, cê já disse tanta coisa.

Contudo, além dos encontros repentinos, cê me veio em música, que já não ouvia desde muito tempo. Quando me percebi falando – eita, mas que bagunça é essa? -, já era tarde, estava inflada. Transbordando. Entrei no meu vagão, vê?

Quando assim sinto, vou-me embora.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s