E descubra que amar-se é libertador

Meu, não tem nada mais gostoso que amor próprio, sério!

Demorei bastante tempo da minha vida esquecendo que “eu” existia, só me lembrava do que tem lá fora e da pessoa boa que tinha que ser para o mundo, e aí, BOOM! Depois de muito quebrar a cara em N situações, me peguei curtindo momentos comigo. Chegar em casa e fazer coisas que gosto, sem nem perceber a hora passar. E nessa eu sempre esqueço o celular, esqueço de responder as pessoas, e já até fui cobrada por isso. Mas vem cá?! Ficar preso no whatsapp já não é mais a coisa que eu mais gosto de fazer. Porque eu mudei muito ao me descobrir. Descobri que sou uma ótima companhia, consigo aproveitar cada momento comigo. Às vezes, fico completamente aérea e esqueço de tudo que tem ao redor. E isso não me assusta mais. É ótimo me sentir bem sem precisar ter alguém do lado aprovando ou não minhas atitudes, minhas falas, meu jeito. É libertador.

E não pense que consegui isso de um dia para o outro, nem sozinha. Porque não foi. Precisei de cair muitas vezes, para levantar mais forte. Quebrei a cara dando importância para pequenas coisas, que não valiam tanto quanto imaginava. E mais, me cobrei muitas vezes por coisas que não estavam nas minhas mãos, mas que eu fazia questão de me culpar e pegar para mim.

É difícil notar que a culpa não é nossa em tudo que dá errado na vida, na maioria das vezes simplesmente não era para ser, e acontece porque algo muito melhor vai vir acontecer. Outras coisas e pessoas perdemos por livramento, sabe? Para que manter em nossa vida pessoas e situações que nos fazem sentir menores?

É óbvio que vamos passar por situações ruins e que será muito importante passar e vivê-las, para nosso próprio crescimento. Não é de todo mal levar uns tombinhos, não é mesmo? Haha.

Faz uma coisa, olha para o céu e veja a imensidão que existe, sinta como esse momento é infinito e cheio de agradecimento. Pense no bem, faça o bem, e mais ainda, seja corajoso para encarar o que estiver por vir. Viva seus sonhos e não seus medos.

E descubra que amar-se é libertador.

Por: Laura Aquino

 

Foto: We Heart It

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s